Zé Ramalho, Maria Rita e Guilherme Arantes cancelam participação em apresentação com Sérgio Reis

O cantor e compositor paraibano Zé Ramalho informou neste sábado (21) que não participará mais do novo álbum do cantor Sérgio Reis e desautorizou o uso de sua música “Admirável Gado Novo”, já gravada para o disco do sertanejo, em maio de 2019.

Zé Ramalho participou como convidado na gravação da canção. Agora, ele alega que a gravação perdeu o sentido. Tanto Ramalho, quanto sua editora, a Avôhai Music, decidiram não autorizar a utilização da obra.

Além dele, a cantora Maria Rita e o cantor Guilherme Arantes também anunciaram desistência de participação no novo disco de Sérgio Reis, após o vazamento de um áudio e um vídeo nos quais o ex-deputado apareceu convocando uma greve nacional de caminhoneiros apoiadores do presidente Jair Bolsonaro contra os 11 ministros do Supremo Tribunal Federal.

“Eu vou dizer ao presidente do Senado: se você não cumprir em 72 horas, vamos dar mais 72 horas, mas vamos parar o país. Plantadores vão colocar colheitadeiras nas estrada; só polícia e ambulância vão passar. E se em 30 dias não tirar aqueles caras [ministros do STF], nós vamos invadir, quebrar tudo e tirar os caras na marra, pronto”, diz o áudio de Sérgio Reis.

Reis é aliado de Bolsonaro e chegou a ser alvo de busca e apreensão na sexta-feira, determinada pelo ministro do STF Alexandre de Moraes. O objetivo da operação, segundo a Polícia Federal, é apurar se o cantor cometeu o crime de incitar a população a praticar atos violentos e ameaçadores contra a Democracia, o Estado de Direito e suas Instituições, bem como contra os membros dos Poderes.

 

Postagens relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *