PSOL e Rede Sustentabilidade avançam em debates sobre federação

O presidente nacional do Psol, Juliano Medeiros, afirmou, na noite desta quarta-feira (2), que sua legenda poderá formar uma federação partidária com a Rede Sustentabilidade. Ele se reuniu com a ex-ministra Marina Silva para formalizar a aliança que já será válida para as eleições deste ano. 

“Reafirmamos a importância da parceria que nossos partidos construíram na luta contra os retrocessos dos últimos anos. Esse é o alicerce da nossa unidade”, afirmou Juliano Medeiros em seu perfil no Twitter.

Em dezembro, o Psol foi um dos primeiros partidos a aprovar resolução para a criação da federação partidária com o PCdoB e com a Rede. O partido não descartou a possibilidade de que a junção se estenda a legendas como o PSB ou mesmo o PT. 

O Psol não definiu se lançará candidato próprio à eleição presidencial. As primeiras informações de bastidores indicam que o partido pretende apoiar Lula na disputa pelo Palácio do Planalto e lançar Guilherme Boulos – que se candidatou na última disputa, em 2018 – como governador de São Paulo.

Os partidos também firmaram o compromisso de formarem chapas conjuntas em todos os Estados além de atuarem juntos no Congresso durante quatro anos.

Postagens relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.