Prefeito Bruno Covas morre aos 41 anos após luta contra o câncer

O prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), teve sua morte confirmada na manhã deste domingo (16). Aos 41 anos, o prefeito morreu por complicações de um câncer. O tucano deixa o filho Tomás, de 15 anos.

O velório de Bruno Covas será realizado na Prefeitura de São Paulo, em cerimônia restrita a 20 convidados. Ao fim, o caixão será transportado em um caminhão do Corpo de Bombeiros, passando pela Avenida Paulista, com destino a Santos, onde o prefeito será sepultado.

Fazia um ano e meio que Covas lutava contra a doença que também matou o avô, em 2001. Na época, Bruno tinha 20 anos e já se preparava para assumir a herança política da família. Cinco anos antes, havia trocado sua casa em Santos, no litoral paulista, pelo Palácio dos Bandeirantes para concluir os estudos na capital.

Antes de comandar a maior cidade da América Latina, Bruno foi eleito deputado estadual por duas vezes, deputado federal e vice-prefeito. Assumiu o posto de prefeito com a renúncia de João Doria e (PSDB), em 2018, e depois se reelegeu como cabeça de chapa.

Sem colecionar inimigos e com respaldo popular, Bruno estava no auge de sua carreira política. A eleição havia lhe dado confiança para começar a impor seu modo de governar e traçar o futuro. Diferentemente de Doria, considerava-se “PSDB raiz”. 

Postagens relacionadas

One thought on “Prefeito Bruno Covas morre aos 41 anos após luta contra o câncer

  1. MUITO TRISTE MEUS SENTIMENTOS PRA FAMÍLIA E PROS AMIGOS Q DEUS POSSA CONFORTA A FAMÍLIA IR OS AMIGOS VAI COM DEUS É JESUS CRISTO😢😭😢😭😢😭

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *