Envergonhado, Weverton pede desculpas após ataques a Brandão, mas imagem fica desgastada no governo

Mesmo com o pedido envergonhado de desculpas ao vice-governador Carlos Brandão, a imagem do senador Weverton Rocha ficou ainda mais desgastada em setores do governo. Secretários e políticos avaliaram que Weverton já está perdendo o controle da situação para seguir seu projeto pessoal de se eleger governador, mesmo com o mandado de oito anos no Senado Federal, pelo qual foi eleito em 2018.

O senador baixou o nível do debate político na cidade de Presidente e em um tom de arrogância, dirigiu críticas a Brandão. “Tem gente que nasce para ser vice, tem gente que nasce para liderar, eu nasci pra liderar”, afirmou Weverton ao sistema Centro Norte.

Logo após os ataques, o governador Flávio Dino foi para as redes e deu o tom de que não aceitará baixarias. Nesses anos todos, estamos construindo um modelo de governança para o Maranhão marcado pela harmonia, pelo diálogo e por fortes projetos transformadores. Assim devemos continuar, com trabalho e humildade”, escreveu Dino.

O secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula também postou uma imagem em referência à Weverton. “Manhã agradável com o vice-governador Carlos Brandão e o meu amigo Rubens Pereira. Política se faz com diálogo, paciência e humildade. Vamos vencer”, publicou Lula em suas redes sociais.

Pelos erros e arrogância de Weverton, o vice-governador Carlos Brandão se aproxima ainda mais de ser o escolhido do governador Flávio Dino para a sucessão no estado.

Postagens relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *