Diretor de jornalismo da Record morre vítima da Covid-19 aos 62 anos

Domingos Fraga, um dos diretores do jornalismo da Record, morreu aos 62 anos neste sábado (12), vítima da Covid-19.

Nascido no Rio de Janeiro, Fraga era formado em Comunicação e Direito e começou sua trajetória no jornalismo como repórter policial.

Durante a carreira, também cobriu assuntos de economia e comandou as revistas Quem e IstoÉ. Além disso, foi professor de Jornalismo da Faculdade Cásper Líbero, em São Paulo.

Nos últimos 15 anos trabalhou no Grupo Record. Foi editor-chefe do Jornal da Record e diretor de redação do R7. Também foi diretor de redação da Record Brasília, onde permaneceu até 2020. Retornou à capital paulista no ano passado e tornou-se Diretor de Jornalismo da Record TV.

Postagens relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *