Cantora Ludmila Ferber morre aos 56 anos após luta contra o câncer

A cantora gospel e pastora Ludmila Ferber morreu aos 56 anos, nesta quarta-feira (26). A informação foi confirmada pela gravadora Sony Music Gospel, de onde ela era contratada.

O local da morte não foi informado. De acordo com o site oficial da artista, ela vivia no Rio com as filhas.

“Infelizmente a nossa guerreira pastora Ludmila Ferber nos deixou, mas aqui ficam o seu legado, suas canções, seu exemplo, sua tenacidade, seu propósito, sua luta, sua fé, sua arte, sua poesia e sua história! Nossos sentimentos aos familiares. Que Deus console a todos que de alguma forma conviveram com nossa querida pastora! Agora já pode parar de lutar. Descanse em paz!”, afirma a postagem.

Ela lutava contra um câncer de pulmão desde 2018, quando anunciou o diagnóstico e o começo do tratamento em suas redes sociais.

Entre seus maiores sucessos estão “Sonhos de Deus”, “Sopra Espírito”, “Ouço Deus me chamar” e “Nunca pare de lutar”. Durante o tratamento do câncer, Ludmila lançou o primeiro álbum em cinco anos, “Um novo começo”.

Postagens relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.