Bruno Covas piora e estado de saúde é irreversível, anuncia Hospital Sírio-Libanês

O prefeito da cidade de São Paulo, Bruno Covas, apresentou piora de seu estado de saúde, considerado “irreversível”, de acordo com boletim médico divulgado pelo Hospital Sírio-Libanês nesta sexta-feira (14).

Segundo o boletim, o prefeito “segue internado no Hospital Sírio-Libanês recebendo medicamentos analgésicos e sedativos. O quadro clínico é considerado irreversível pela equipe médica. Neste momento, encontra-se no quarto acompanhado de seus familiares. Ele está sendo acompanhado pelas equipes médicas coordenadas pelo Prof. Dr. David Uip, Dr. Artur Katz, Dr. Tulio Eduardo Flesch Pfiffer, Prof. Dr. Raul Cutait e pelo Prof. Dr. Roberto Kalil Filho”.

O estado de saúde de Covas se agravou nos últimos dias. Ele foi transferido para uma unidade de terapia intensiva (UTI), no começo do mês, após ter um sangramento no estômago. Nesta sexta-feira, o quadro de saúde do prefeito piorou e evoluiu para um quadro irreversível.

Covas está internado no Sírio Libanês desde o dia 2 de maio, mesmo dia que pediu licença do cargo de prefeito. A internação ocorreu cinco dias após ter tido alta na mesma instituição, onde se submeteu à quimioterapia em conjunto com imunoterapia depois da descoberta de novos tumores no fígado e nos ossos ao fazer exames de rotina.

Na véspera da última alta, no dia 26 de março, o prefeito de São Paulo declarou que continuava a “luta pela vida” em um post que tinha como foco seu filho de 15 anos, Tomás.

Postagens relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *