Após perder patrocinadores, Sikêra Júnior diz estar arrependido

Depois de perder patrocinadores na TV e na internet por declarações consideradas homofóbicas, o apresentador Sikêra Júnior, da TV A Crítica, disse estar “arrependido” e “sofrendo muito”.

“Eu preciso reconhecer que me excedi. No calor do comentário, defendendo a inocência de crianças que eu sempre defendi. Posso ter usado palavras que me arrependo, sou humano. Errei, erro e vou errar”, disse.

Apesar de reconhecer o excesso, o apresentador voltou a afirmar que pessoas LGBTIs usam crianças como “peças publicitárias para vender ideologias”.

As desculpas do apresentador se referem a comentários feitos por ele em 25 de junho, em seu programa policialesco Alerta Nacional, veiculado nacionalmente pela RedeTV. À época, Sikêra afirmou que a comunidade LGBTI precisa de tratamento e associou a homossexualidade à pedofilia. “A gente tá calado, engolindo essa raça desgraçada que quer que aceite que as crianças… Deixem as crianças!”, afirmou o apresentador.

A Tim, a MRV, a HapVida, a Blindex e a Sorridents interromperam seus contratos com o programa de Sikêra na TV depois da repercussão negativa. Na internet, a leva de empresas que anunciaram boicote ao apresentador foi ainda maior: Seara; Kicaldo; Novo Mundo; Ford; Nivea; e Magazine Luiza.

Postagens relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *